'VERMELHO, BRANCO E SANGUE AZUL' VAI VIRAR FILME

O best-seller 'Vermelho, Branco e Sangue Azul', do autor Casey McQuiston, ganhará uma adaptação para os cinemas.


O livro, lançado no Brasil pela Editora Seguinte, conta a história de amor improvável entre Henry, príncipe da Inglaterra, e Alex, filho da presidente dos Estados Unidos.



Segundo o site da revista Variety, a Amazon Studios contratou o dramaturgo Matthew López para dirigir o filme. Matthew é conhecido por seu trabalho no espetáculo 'The Inheritance', que lhe rendeu o Tony Award e o GLAAD Media Award.


Greg Berlanti e Sarah Schechter serão responsável pela produção do longa-metragem. Michael McGrath e Matthew López, como produtores executivos.


Por enquanto, nenhum nome foi anunciado e não há previsão para lançamento da nova adaptação de 'Vermelho, Branco e Sangue Azul'.

Sinopse: Quando sua mãe foi eleita presidenta dos Estados Unidos, Alex Claremont-Diaz se tornou o novo queridinho da mídia norte-americana. Bonito, carismático e com personalidade forte, Alex tem tudo para seguir os passos de seus pais e conquistar uma carreira na política, como tanto deseja. Mas quando sua família é convidada para o casamento real do príncipe britânico Philip, Alex tem que encarar o seu primeiro desafio diplomático: lidar com Henry, irmão mais novo de Philip, o príncipe mais adorado do mundo, com quem ele é constantemente comparado ― e que ele não suporta. O encontro entre os dois sai pior do que o esperado, e no dia seguinte todos os jornais do mundo estampam fotos de Alex e Henry caídos em cima do bolo real, insinuando uma briga séria entre os dois. Para evitar um desastre diplomático, eles passam um fim de semana fingindo ser melhores amigos e não demora para que essa relação evolua para algo que nenhum dos dois poderia imaginar ― e que não tem nenhuma chance de dar certo. Ou tem?

74 visualizações0 comentário